Da cabeça aos pés

Tem quem defenda que sabonete em barra é menos alergênico e quem diga que o líquido resseca menos. A verdade é que pele de bebê é bastante sensível. Para o recém-nascido e de preferência no primeiro ou nos dois primeiros anos de vida ou pelo menos enquanto não tiver muito cabelo, o que eu mais recomendo é o sabonete “da cabeça aos pés”. Líquido, serve como shampoo e para todo o corpo. Prático e seguro.

Agora, com mais de um ano, com o cabelo fininho crescendo e ficando jeitoso, intercalo no máximo uma vez por semana com um banho de shampoo, condicionador e sabonete em barra – e também com banho de aveia, porque o frio e a água mais quente ressecam a pele, e o condicionador, ainda mais nessas condições e tempo seco, pode provocar espinhas. Mas ainda uso na maior parte do tempo o da cabeça aos pés na minha filha.

Testei e indico três marcas mais naturais, sem corantes e outros componentes. De uma delas usamos o shampoo (depois da Dora ter completado um ano), mas eles também fazem sabonete da cabeça aos pés. Tem que ficar de olho na fórmula: corantes e ácido cítrico podem dar alergia; parabenos e alguns PEG ou outros componentes são cancerígenos. Não basta ser recomendado comercialmente (dizer no rótulo) para bebês.

testei: Vyvedas Baby & Kids Shampoo & Sabonete

Vyvedas Baby & Kids 2 em 1
Shampoo & Sabonete Líquido
Perfume bem suave depois do banho – na hora é mais marcante e lembra tutti-fruti. Bem transparente e incolor. Durou bastante. Quando chegava ao final, não queria que acabasse. Como quase todos tipo “da cabeça aos pés”, pode dar uma certa dificuldade para pentear depois que o cabelo cresce. Com mais de uma semana de uso e tempo seco, deixou o cabelo bem seco.

Encontrado em lojas de produtos naturais, supermercados orgânicos ou nas lojas próprias da marca.

Embalagem: estranhei o formato, achei pouco anatômico, mas não tive problemas com ela; caiu logo o rótulo; a tampa sobe ou desce para travar, você vira e aperta para utilizar, não chegou a vazar.

Não contém ou diz não conter: corantes, Lauryl Ether, óleo mineral, parabenos, PEG, Quaternium-15, sabão, ingredientes de origem animal

rótulo do Vyvedas Baby & Kids Shampoo & Sabonete

Contém: camomila, calêndula, perfume de óleos essenciais; sodium lauroyl sarcosinate (considerado seguro); benzyl alcohol, ácido cítrico

Origem: Brasil

Testei: Weleda Shampoo & Body Wash

Weleda
Calêndula Shampoo & Body Wash
Bem interessante. O perfume clássico da linha baby da Weleda, de calêndula, resiste a banho enforcado, abraços apertados de tias perfumadas e suor – mais de 24h depois, estava lá, ainda que bem suave. Não curto muito (para mim) shampoo que não tenha textura transparente (meu cabelo é oleoso)… Esse sabonete é cremoso, branco, opaco. Por isso talvez facilite um pouco pentear, mas não chega a ser como um condicionador. Depois de vários dias seguidos de uso, aos 14 meses e o cabelo mais crescidinho, deixa dar nó. Aí intervenho e, no dia seguinte, aplico um condicionador. Rendeu bastante.

Encontrado em farmácias e lojas próprias da marca, entre outros estabelecimentos, no Brasil.

Embalagem: em tubo tipo pasta de dente (mas plástico), a tampa logo quebrou e não fecha direito – ou seja, não posso levar para viajar.

Não contém ou diz não conter: sabão, parabenos, corantes, conservantes, Lauryl Ether, PEG, Quaternium-15, ingredientes de origem animal

rótulo Weleda Shampoo & Body Wash

Contém: extrato de amêndoas doces, óleo de gergelim, extrato de calêndula; perfume, Limonene e Linalool de óleos essenciais; glicerina, álcool.

Origem: Suíça

Testei: Hipp Shampoo Delicato

Hipp
Shampoo Delicato
Comprei apenas o shampoo, bem que gostaria de ter experimentado o sabonete da cabeça aos pés da mesma marca. Proporcionalmente foi o mais barato dos três, mas só encontrei no exterior e comprei porque estava viajando. Essa marca desenvolve produtos orgânicos certificados – como as papinhas que comentei. Este produto não é totalmente natural, mas contém óleo de amêndoas orgânico.

O shampoo “delicato” é para peles sensíveis, indicado inclusive a adultos alérgicos. Incolor e bem suave, deixa o cabelo do bebê um pouquinho seco (no tempo seco), com frizz, mas não ao ponto de precisar de condicionador. O perfume é megasuave, tanto que não dura 24h. Bebês perdem calor pela cabeça; se suar muito, pode chegar a sentir o cheirinho de suor antes do próximo banho. Como recomendam para adultos, usei em mim também e (numa primeira experiência) meus cabelos oleosos reagiram bem.

Encontrado na Europa.

Embalagem: Fácil de manusear e fecha bem (lembrando que testei apenas o shampoo)

Não contém ou diz não conter: sabão, perfume alergênico, parabenos, corantes, conservantes, PEG, Quaternium-15, ingredientes de origem animal, óleos essenciais (supondo que alguns podem ser alergênicos)

rótulo Hipp Shampoo Delicato

Contém: extrato natural de amêndoas orgânico; Lauryl Glucoside (que, de acordo com o blog One Love Organics, não provoca irritação e é de origem natural), ácido cítrico, glicerina, cloreto de sódio.

Origem: Suíça

Saiba mais:
Cheiro bom ou cheiro ruim? – artigo sobre fragrâncias para bebês
Banho de aveia no bebê – como preparar
Os rótulos dos produtos – por que ler
Mãos de mãe – ou unhas de mãe

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s