Consumo sustentável

shopping

No lançamento do livro Imagem-Violência, da antropóloga Rose Satiko Gitirana Hikiji, a cineasta Tata Amaral confessou que, para ela, uma das maiores agressões possíveis a uma crinça é permitir que ela frequente um shopping center. A filha de Tata, no entanto, nunca havia colocado os pés num, mas depois dos 14 anos passou a frequentar os shoppings com as amigas escondida da mãe. Não adianta proibir, mas também não é bom incentivar.

O Instituto Alana é uma ONG em defesa das crianças. Junto ao Ministério do Meio Ambiente, publicaram o livreto “Consumismo infantil: na contramão da sustentabilidade”, o terceiro volume da série Cadernos de Consumo Sustentável. O arquivo está disponível em PDF neste link.

Eles defendem que o consumo exacerbado pode ser causa de violência e estresse familiar e é responsável por: geração de resíduos; obesidade infantil; adultização da infância e erotização precoce; consumo precoce de álcool e tabaco; diminuição das brincadeiras criativas. A cartilha foca em duas questões, alimentação e brinquedo.

Alimentação
corujaflores

Você sabia que menos de 1/3 das crianças come frutas e legumes? E que um lanche mais saudável gera menos lixo?

Brinquedo
marionetes

Pode-se optar por brinquedos criativos ou brinquedos feitos de sucata. Trocar pode ser mais divertido do que comprar. É preciso conscientizar que existe diferença entre querer e precisar. A criança pode aprender a doar seus brinquedos – existem várias campanhas para doação de brinquedos na véspera do Natal em cidades como São Paulo.

Mais:
Muitas ideias para encantar as crianças com alimentos saudáveis da inglesa Children’s Food Trust
Conheça o portal Idéias na Mesa, sobre educação alimentar
Assista à campanha do Idec com uma alerta sobre os agrotóxicos no Brasil
Consulte o mapa de feiras orgânicas do Idec

Pense também em alugar um jogo ou brinquedo – existem locais especializados nisso, leia este post sobre uma empresa de locação de brinquedos e acessórios infantis em Porto Alegre
Veja as dicas para pais da loja de brinquedos educativos Trenzinho, na Vila Madalena
Na região da Rua 25 de Março, em São Paulo, existem acessórios para confecção de seu próprio brinquedo ou boneca, encontrados em lojas como a Puppet’s

Neste mês de março, uma conferência nos EUA discutiu criança e consumo
Outras dicas para uma mamãe consciente da Smart Mom

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s